Um homem sobrevive como vendedor de canetas, mas depois que um estranho tira foto de sua filha isso acontece

Depois dessa foto, o inacreditável aconteceu para eles e surpreendeu a todos

Abdul Halim al-Attar é um rapaz que começou a vender canetas para a sua sobrevivência e de sua família nas ruas de Beirute, no Líbano.

O rapaz é um refugiado sírio, que saiu de seu país porque havia muitos conflitos e estava ficando cada vez mais difícil a sobrevivência naquele local.

Reem é filha de Abdul e recentemente apareceu em uma foto tirada por um estranho, enquanto o rapaz vendia canetas nas ruas, na foto aparece Abdul segurando a menina em um de seus braços e ao mesmo tempo tentando convencer as pessoas a comprarem as suas canetas.     

A foto era tão comovente que se tornou viral na internet, logo, muitas pessoas se sentiram tocadas e com vontade de ajudar aquele pai que fazia de tudo pelo sustento da família, foi então que fizeram uma campanha nas redes sociais para arrecadações de fundos para Abdul e a família. A campanha felizmente conseguiu arrecadar um total de $200,000.

O rapaz resolveu fazer um bom negócio com aquele dinheiro, além de conseguir sustentar a sua família, investiu boa parte do dinheiro em muitas lojas no Líbano e com isso conseguiu mais dinheiro, que serviu para ajudar parentes que ainda estavam em crise na Síria e não conseguiram sair de lá ainda.

Com as novas lojas que Abdul montou, ele colocou para trabalharem junto com ele outros refugiados da Síria, que assim também poderiam ganhar dinheiro e se sustentarem. O rapaz com certeza investiu aquele dinheiro super bem.            

Abdul, completamente feliz e realizado com as ajudas que teve, diz: “O dinheiro não salvou apenas a mim, mas mudou a vida da minha família e das pessoas da Síria que também ajudei.

 

 


LEIA TAMBÉM
loading...

Comentários

Compartilhar