Menina com hidrocefalia foi abandonada no lixo, mas é encontrada por uma mulher que mudou sua vida

Sarah encontrou a menina no lixo e após o convívio com a criança, decide adotá-la

Em 2013, Sarah era apenas uma jovem movida por um ideal – ajudar as pessoas mais necessitadas – por isso, decidiu trancar a faculdade e abandonar tudo em sua cidade, seu conforto, sua família e amigos, para seguir para o Haiti e trabalhar com voluntária. Ela se tornou terapeuta recreacional em um hospital pediátrico, onde conheceu diversas crianças e suas famílias. Mas um criança em especial lhe causou mais comoção.

Já em 2014, num dia normal de atendimento, chega até Sarah, uma jovem mãe com uma criança especial de apenas 3 meses. A menina se chamava Nika e tinha uma cabeça maior que a adequada para sua idade, Sarah então a encaminhou para os médicos que a diagnosticaram com hidrocefalia – uma doença que leva ao acúmulo de líquido no cérebro, impedindo que ele se desenvolva normalmente –  e que essa condição teria causado retardos no desenvolvimento psicomotor da criança.

A cultura do Haiti é diferente de outros países, e muito se acredita que crianças com deficiências, sofreram com alguma feitiçaria. Por isso, a mãe de Nika estava muito mais preocupada com a aparência da filha do que sua saúde. Ela levava a filha nas consultas médicas, e Sarah sempre a acompanhava de alguma maneira, até que começou a perceber que Nika não apresentava melhoras e que a cada consulta, ela estava mais magra.

Inconformada com a situação, Sarah foi até a casa de Nika, chegando lá, descobriu que a menina havia sido jogada no lixo para morrer. Sarah imediatamente acolheu a criança e a levou para o hospital, lá ela passou a ter o tratamento adequado e o amor e o carinho que sentia pela menina abandonada foi crescendo a cada dia, até que tomou a decisão que mudaria sua vida, adotar Nika. Seu marido, também comovido com a história, aceitou a pequena Nika como sua filha.

Dois anos depois de toda a história, Nika é outra menina, ela ganhou peso, o tratamento está funcionando e sua cabeça diminuiu bastante. Ela está bastante assistida de médico e fisioterapeutas que acompanham sua grande evolução.

 


LEIA TAMBÉM
loading...

Comentários

Compartilhar